Notícias 

veja-mais

DISCIPULADO – COMPARTILHANDO A GRANDE COMISSÃO Mateus 28:18-20

Alguém calculou que se, por dezesseis anos, um de nós discipular duas pessoas por ano, sendo imitado pelas mesmas, ao final desse tempo terá alcançado cerca de 65.536 discípulos parecidos com Jesus!!!

Por outro lado, se alguém ganhar uma pessoa por dia apenas para fazer parte de uma denominação, terá no mesmo período de dezesseis anos, 5.840 membros apenas dando dízimos e ofertas e assistindo aos programas dominicais, sem se envolverem com uma vida frutífera de multiplicação.

 A nossa oração é para que a alvo sobre o discipulado saia do papel e se encarne em nosso viver.

Como viver obedecendo à ordem do Senhor Jesus sobre discipular? Nos relacionamentos dentro de nossas casas, nas sociedades internas e nos ministérios, nos grupos que se reúnem nas casas, no dia-a-dia aproveitando todas as oportunidades, com quem é maduro vivendo o que tem aprendido da Palavra com os mais novos até que a estatura de Cristo Jesus seja a referência testemunhável entre nós e em nós. É assim que venceremos o pecado em todas as suas formas e viveremos em santidade andando na vontade do Espírito Santo. É assim que vamos perpetuar os efeitos da semeadura do Evangelho… Mas, para isso, é preciso vivermos à missão dada por Jesus obedecendo à Sua grande Comissão.

 Quando algo, ou alguém, aparecer para nos desviar do foco, retomemos o que nos foi proposto para este ano, tanto para a Sede como para as Congregações: A NOSSA BASE BÍBLICA está viva em sua mente e coração? O NOSSO TEMA faz parte dos seus sonhos para a IPF? A NOSSA MISSÃO vai nortear os seus planos quanto à unidade do trabalho? O NOSSO ALVO alimenta mesmo a sua vontade de ver a igreja crescer em todos os sentidos? OS NOSSOS PRINCÍPIOS e OS NOSSOS VALORES têm motivado o(s) seu(s) ministério(s)?

 Esta reflexão não é só para quem está na liderança e à frente dos ministérios da igreja, mas, sim, para todos nós que fazemos parte da igreja do Senhor Jesus. Na verdade, a responsabilidade será maior para quem é líder, para quem é eleito ou nomeado para fazer parte da estratégia do trabalho porque tem que impactar através do seu amor apaixonado, do seu envolvimento compromissado com tudo o que diz respeito ao chamado de Jesus para servirmos através dos ministérios, dons, talentos e habilidades! Por outro lado, a responsabilidade também é para quem é liderado, para quem não está diretamente à frente, mas faz, ou fará, parte da membresia porque, de igual modo, deve viver o mesmo compromisso servindo, para que vençamos juntos os desafios que nos têm sido apresentados.

 Isso é discipulado – discipular é passar o que temos recebido através da convivência, dos relacionamentos, e não apenas um encontro periódico de estudo bíblico durante algum tempo.

 Mas, quem pode discipular de acordo com a vontade do Senhor? Quem vive lendo e meditando na Palavra de Deus, orando e testemunhando o que Deus tem feito, sempre em prontidão para servir e, principalmente, quem tem o alvo de compartilhar com outros o que recebeu…

 Amada Igreja, se quisermos deixar um legado de fé para as próximas gerações, a fim de que as mesmas alcancem o mundo com o Evangelho genuíno da salvação, teremos que nos reproduzir espiritualmente através da visão do discipulado consciente e vivo.

 Pr. Elizeu Dourado de Lima

Av. Visconde do Rio Branco, 1636
Centro - 60055-170
Fortaleza - Ceará - Brasil
85 3052.2525
TIM 85 9955.0164
OI 85 8547.1511
ipb-logo
Desenvolvimento: iativa-logo